Dia Mundial das Abelhas
Atitude Bemglô

Dia Mundial das Abelhas

Dia Mundial das Abelhas
Hoje é o Dia Mundial da Abelha. Não é só pelo mel que ela vive.
As abelhas contribuem para a manutenção de 90% das espécies de vegetação tropical com flores e cerca de 78% das espécies de zonas temperadas dependem da polinização. Sabe o cacau? A abelha trabalha para a polinização dele também. Essenciais para a polinização de váaarias plantas, flores, frutas e vegetais usados na nossa alimentação, as abelhas estão sob risco, e muitas espécies estão sob risco de extinção. Sabe o que contribui e acelera cada dia mais isso?
O uso abusivo de agrotóxicos pelo agronegócio, inclusive, agrotóxicos que são proibidos em vários países, estão matando e desenvolvendo dependência química nesses pequenos insetos tão importantes. Substâncias parecidas com a nicotina encontrada no cigarro, conhecidas como neonicotinóides, viciam e as levam à morte. Pesquisas apontam que no Brasil, até 2050, diminua até 13% as populações de abelhas. Isso é muito grave. O uso do veneno, chamado de “defensivos agrícolas” pelo agronegócio, altera a sensibilidade por açúcar e habilidade de navegação. Ou seja: atrapalha a sua busca por alimento e a sua volta para a colônia – consequentemente, atrapalha a polinização.
A saída é fugir da agricultura convencional, e buscar outras formas de produzir comida. O veneno que deixamos entrar em nossas casas acabam com a nossa saúde e com todo ecossistema. No Brasil, nos últimos 11 anos, cerca de 26 mil brasileiros foram intoxicados por pesticidas usados nesse modelo agressivo adotado pelo agronegócio. Tudo o que é vivo sofre pelos impactos negativos desse modelo “tradicional”. Não estamos sozinhos neste Planeta, e tampouco, sobrevivemos sem outros seres vivos, por menores que sejam. Acompanhar a origem do nosso alimento, acompanhar as notícias que envolvem a liberação de pesticidas, apoiar instituições e organizações que são contra o veneno na nossa comida pode mudar muito a nossa realidade e das abelhas.
Para acabar esse chorare, convidamos todes a buscar outros sabores que não sejam o do fel que a agroindústria nos empurra goela abaixo. Respeitar o meio ambiente, tem melhor sabor. Buscar iniciativas que também sigam esse proposito pode adoçar ainda mais a nossa vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione sua moeda
EUREuro
Abrir Chat
Precisa de ajuda?
Olá, como podemos te ajudar?