20 em 2020: Os vinte artistas latino-americanos da nova década
Arte & Cultura

20 em 2020: Os vinte artistas latino-americanos da nova década

20 em 2020: Os vinte artistas latino-americanos da nova década

De tempos em tempos surgem livros que procuram, de alguma maneira, apontar quem são os jovens (e nem tão jovens) artistas importantes que estão fazendo a diferença ou que vão ser os grandes nomes para se prestar atenção na década na qual vivem e produzem. Foi assim com o livro “Cream”, de 1998; “Blink.”, de 2002 (focado apenas em fotografia);  “Art:21 – Art in the Twenty-First Century” e “Installation Art in the New Millennium”, ambos de 2003. Alguns desses livros têm curadores renomados como o argentino Carlos Basualdo e o suíço Hans Ulrich Obrist selecionado quem serão os artistas da vez.

Recentemente lançado no Brasil, o livro “20 em 2020” apresenta os artistas da América Latina para a nova década. O volume é resultado de uma ampla pesquisa curatorial coordenada pela Art Consulting Tool, e reúne análises de 14 críticos e curadores de diversas nacionalidades, entre eles o cubano Gerardo Mosquera  (que assina um excelente texto introdutório no livro), o mexicano José Esparza Chong Cuy e o peruano Miguel A. López. Do Brasil, o time é reforçado com nomes como Diane Lima, Júlia Rebouças. Kiki Mazzucchelli, Raphael Fonseca e Germano Dushá.

Nunca é uma tarefa fácil selecionar dentre tantos artistas que produzem no continente apenas 20 nomes que irão definir o horizonte artístico e cultural nesta década que se inicia. Dentre as duas dezenas de artistas apontados, quatro são brasileiros: Adriano Amaral, nascido em 1982 e natural de Ribeirão Preto (SP); Dalton Paula (1982), natural de Goiânia (GO); Jota Mombaça (1991), de Natal (RN) e Yuli Yamagata (1989), de São Paulo (SP). Dalton Paula já é um nome conhecido no mercado de arte contemporâneo no Brasil, e tem se destacado também no circuito internacional. Entre os artistas, destaque para o venezuelano Sheroanawe Hakihiiwe, que é yanomani; e Jota Mombaça, que atualmente vive em Portugal, também conhecida como Monstra Errátik e Mc K-trina, e cujas obras – performances e escritos –  abrangem crítica social e de gênero.

A curadoria dos 20 artistas coloca uma pergunta em evidência: “O que é a América Latina?”, e de como suas obras se relacionam com o continente em suas pesquisas visuais. Com textos em português, inglês e espanhol, o livro compila análises individuais sobre a produção de cada artista, além de apresentar seus currículos, imagens de obras e vistas de exposições. Como diz Mosquera em seu texto no livro, “os artistas aqui apresentados nos dão um panorama abrangente de tendências, poéticas, lugares, dinâmicas, risos, obsessões, sensibilidades, ações, reações, desprendimentos, ataques… Enfim, de todo o caleidoscópio da arte que consideramos latino-americana devido ao seu âmbito geográfico (que deveria incluir os Estados Unidos, o segundo país com o maior número de hispano-falantes) ou por afinidades históricas, culturais e linguísticas compartilhadas“.

 

Lista completa de artistas

Ad Minoliti (Buenos Aires, Argentina) | Adriano Amaral (Ribeirão Preto, Brasil) | Alia Farid (Kuwait, Kuwait) | Carolina Caycedo (Londres, Reino Unido) | Dalton Paula (Goiânia, Brasil) | Frieda Toranzo Jaeger (Cidade do México, México) | Gabriel Chaile (Tucumán, Argentina) | Gala Porras-Kim (Bogotá, Colômbia) | Iván Argote (Bogotá, Colômbia) | Jill Mulleady (Montevideo, Uruguai) | Johanna Unzueta (Santiago, Chile) | Jota Mombaça (Natal, Brasil) | Katherinne Fiedler (Lima, Peru) | Naufus Ramírez-Figueiroa (Cidade da Guatemala, Guatemala) | Pia Camil (Cidade do México, México) | Reynier Leyva Novo (Havana, Cuba) | Sheroanawe Hakihiiwe (Sheroana, Venezuela) | Tabita Rezaire (Paris, França) | Tania Pérez Córdova (Cidade do México, México) | Yuli Yamagata (São Paulo, Brasil).

Lista completa de críticos e curadores
Andrei Fernández (Argentina) | Diane Lima (Brasil) | Gerardo Mosquera (Cuba) | Germano Dushá (Brasil) | José Esparza Chong Cuy (México) | Júlia Rebouças (Brasil) | Kiki Mazzucchelli (Brasil) | Mariano López Seoane (Argentina) | Miguel A. López (Peru) | Nika Chilewich (Estados Unidos) | Olga Viso (Estados Unidos) | Pilar Tompkins Rivas (Estados Unidos) | Raphael Fonseca (Brasil) | Ruth Estévez (México/Estados Unidos)

Ficha técnica
Título: 20 em 2020, Os artistas da próxima década: América Latina
Organização: Fernando Ticolaut e João Paulo Siqueira Lopes
Coordenação editorial: Art Consulting Tool
Páginas: 264
Dimensão: 23 x 31 cm [fechado] Valor: R$ 200,00

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione sua moeda
EUREuro
Abrir Chat
Precisa de ajuda?
Olá, como podemos te ajudar?